Calendário do PIS 2019 – Tabela Atualizada

Calendário do PIS 2019 – O décimo quarto do trabalhador é conhecido mais popularmente como o PIS e tem data determinada para a sua retirada, sendo devolvido para o Banco Central quando quem tem direito ao benefício perde o prazo de retirada e perde o benefício.

Veja também:

O calendário do PIS 2019 já está disponível para consulta, dando possibilidade aos que precisam do dinheiro extra, planejarem melhor a forma mais adequada de investi-lo.

Como funciona a organização do calendário do PIS 2019

Não houve muitas mudanças no calendário do PIS 2019 em relação aos calendários dos anos anteriores. As datas de saques ainda mantêm o mesmo padrão de organização das datas anteriores, tendo prazos para que os saques sejam efetuados e caso não sejam realizados dentro do prazo, o valor será devolvido ao FAT.

O número do NIS ainda é a variável determinante para estabelecer a data de saque para o benefício, de modo que as filas sejam evitadas e a organização do benefício por datas estrategicamente programadas, evitem um rombo nos cofres públicos.

Calendário Do PIS 2019 – Tabela Atualizada

Segundo a tabela atualizada do calendário do PIS 2019, os saques estão disponíveis desde o mês de julho de 2018 e o beneficiário tem até o dia 28 de junho de 2019 para estar fazendo o saque referente ao benefício de acordo com o calendário do PIS 2019.

calendário do PIS 2019

Vale lembrar que o saldo do benefício não é cumulativo e que é importante atentar-se aos prazos de recebimento do PIS 2019.

Tabela atualizada para saque segundo calendário do PIS 2019

Além da data atualizada, o valor do benefício também sofrerá um pequeno reajuste já que o salário mínimo teve um pequeno aumento no início do ano.

Segundo o calendário do PIS 2019, a data para a realização do saque do benefício segue a seguinte ordem:

calendário do PIS 2019

Nova regra do PIS 2019

Uma das novidades que não pode ser esquecida é o valor que cada trabalhador irá receber.

Nem todos os trabalhadores irão receber o valor integral do PIS 2019 esse ano. Isso porque como uma medida preventiva, o governo estabeleceu que o pagamento fosse proporcional ao tempo de trabalho ativo por parte do funcionário.

Ou seja, mesmo com o reajuste do salário mínimo, receberão o valor total do benefício àqueles que trabalharam o equivalente há 12 meses completo no ano anterior.

Deixe um Comentário

error: Content is protected !!